Leia este artigo em:

Estratégias de diferenciação do porco no Canadá: rendimento e características da carcaça

A combinação comercial da raça Duroc, dieta controlo e 115 kg de peso ao abate mostrou um equilíbrio em termos de rendimento, características da carcaça e qualidade da carne.

4ª feira 12 Julho 2017 (há 1 anos 4 meses 6 dias)

Foram medidos o rendimento e as características nas carcaças procedentes de combinações de genótipo, dieta, peso de abate e regime de arrefecimento das carcaças.

Os porcos ibéricos cruzados tiveram um menor rendimento vivo em comparação com os Duroc e Lacombe. Entre os 70 a 115 kg, os porcos Lacombe cresceram ligeiramente mais rápido que os Duroc. As carcaças Duroc tinham uma maior percentagem de tecido magro, presuntos mais pesados e lombos e entremeadas de menor peso, em comparação com as carcaças Lacombe e Ibéricas. As carcaças de maior peso tiveram menor rendimento magro, excepto as dos porcos Ibéricos, e maiores entremeadas. A carne dos porcos cruzados com Duroc era de coor mais clara e com maior infiltração, com valores intermédios de dureza da gordura. As carcaças Ibéricas mostraram uma carne mais escura com valores de infiltração intermédios e gordura mais dura. A carne dos porcos Lacombe era a mais magra, ainda que, do mesmo modo que para as outras três raças, as pontuações para a infiltração eram mais altas para as carcaças mais pesadas. Geralmente, a suplementação com colza e linho diminuíram e o arrefecimento aumentou os valores de dureza da gordura. O uso de colza na dieta parecia afectar os caractéres relacionados com a cor da carne, mas estes efeitos não foram consistentes entre raças e pesos de abate.

A combinação comercial de raça Duroc, dieta controlo e 115 kg de peso ao abate mostrou um equilíbrio em termos de rendimento, características da carcaça e qualidade da carne. As outras combinações avaliadas neste estudo mostraram potencial para produzir eficientemente carne de porco diferenciada.

H. Zhang, J.L. Aalhus, C. Gariépy, B. Uttaro, O. López-Campos, N. Prieto, M.E.R. Dugan, Y. Jin, M. Juárez. Effects of pork differentiation strategies in Canada on pig performance and carcass characteristics. Canadian Journal of Animal Science, 2016, 96(4): 512-523, 10.1139/cjas-2015-0197.

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags