Leia este artigo em:

China confirma um foco de PSA num matadouro

Tanto a OIE como o Ministério da Agricultura da China confirmaram ontem, 5ª feira, a existência de um foco de Peste Suína Africana (PSA) num matadouro chinês.

6ª feira 17 Agosto 2018 (há 1 meses 4 dias)

O foco, com 260 animais dos quais 30 eram positivos, encontra-se localizado na zona de desenvolvimento económico de Zhengzhou (Henan).

Os porcos infectados foram transportados legalmente desde o mercado de porcos vivos de Heli (condado de Tangyuan, cidade de Jiamusi, Província de Heilongjuang).

O bloqueio restrito bem como a aplicação de medidas de desinfecção e de controlo dos movimentos foram aplicados no matadouro. O Governo local iniciou o plano de resposta de emergência para a PSA, foi proibida a entrada e saída para todos os porcos vivos e produtos derivados e foi dado início à investigação epidemiológica e à triagem.

PPA China

Por outro lado, relativamente ao primeiro foco confirmado no passado dia 3 de Agosto, as autoridades veterinárias chinesas informaram a OIE que, após o abate e eliminação de todos os animais susceptíveis no foco e nas zonas infectadas, o Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais iniciou a investigação epidemiológica e a vigilância de emergência relativas à doença. Até 9 de Agosto, 261000 locais de triagem tinham sido objecto de investigação e 18094300 porcos tinham sido submetidos à triagem no país. O Ministério aplicou o plano nas províncias de Pequim, Tianjin, Hebei, Mongólia Interior, Liaoning, Jilin, Heilongjiang, Guangdong, Gansu e Xinjiang.

Nas investigações posteriores foi estabelecida a origem dos animais infectados que foram detectados no local do foco (Comunidade de Wuwu). Os porcos eram provenientes de duas explorações privadas que pertencem ao mesmo proprietário. As amostras ambientais foram positivas para o ácido nucleico da Peste Suína Africana (PSA). No total, 676 porcos foram sacrificados na periferia das duas explorações. As autoridades e instituições veterinárias locais levaram a cabo uma investigação de triagem de emergência em toda a Província até 14 de Agosto. No total, 35,54 milhões de porcos vivos foram submetidos a esta triagem, foram recolhidas 10226 amostras das quais 7 foram positivas para o ácido nucleico da PSA. A investigação epidemiológica mostrou que as amostras positivas provinham de duas aldeias localizadas dentro da zona de risco; todos os porcos vivos nestas aldeias foram abatidos.

Quinta-Feira, 16 de Agsoto de 2018.
MoA/ China. http://www.moa.gov.cn
OIE. http://www.oie.int

Artigos relacionados

Última hora

PSA propaga-se pela Roménia03-Set-2018 há 18 dias
China confirma a presença de PSA06-Ago-2018 há 1 meses 15 dias

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags

Última hora

Um boletim de notícias sobre o sector da carne de porco

Não estás inscrito na lista

21-Set-201814-Set-201807-Set-201827-Jul-2018

faz login e inscreve-te na lista

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui